ZOONÍRICAS DE BENIGNO

Desenhos vão resultar em vários produtos



fred gustavos

benigno

A maioria dos desenhos de Wilson são imagens de um sonho recorrente que ele tem de madrugada

“O grito artístico precisa ser ouvido”. Esta é uma das maneiras como o jovem artista matupaense Wilson Benigno vê as artes visuais. Autodidata, Wilson começou a desenhar ainda na infância e desde essa época nunca mais parou. 

Há alguns anos, entre alguns desenhos e outros trabalhos artísticos que retratam seus sonhos e sua relação com a natureza, especialmente o cenário de sua cidade natal Matupá, ele tentou mostrar sua arte para algumas empresas, dentre elas uma de estamparia de camisetas. Diante das várias negativas, ele não imaginaria que em meio à pandemia de COVID-19, no segundo semestre de 2020, teria seu primeiro projeto cultural aprovado pela no edital MT Nascentes da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer de Mato Grosso (SECEL-MT), com recursos da Lei Aldir Blanc para Mato Grosso. 

fred gustavos

benigno

O artista é autodidata, começou a desenhar ainda na infância e, desde essa época, nunca mais parou

O projeto “Zooníricas de Benigno” tem o intuito de divulgar o trabalho artístico do jovem artista matupaense, por meio de vários produtos que envolvem exclusivamente os desenhos, assim como pretende ainda promover um intercâmbio com outros jovens artistas mato-grossenses. Envolvendo quatro profissionais da cultura de Cáceres, Poconé, Cuiabá e Lucas do Rio Verde, bem com uma equipe composta por vários profissionais da cultura no Estado, o projeto tem diversos produtos:

- Camisetas com desenhos exclusivos de Wilson Benigno;
- Lives com artistas Brenda Silva Forster (Lucas do Rio Verde); Gabriel Ferreira Santana (Cáceres); Pedro Marmo da Silva (Poconé); e conversa gravada com Crys Rios (Cuiabá) sendo essas ações realizadas em 12 de abril de 2021.
- Site e exposição virtual de lançamento dessa página eletrônica, que ocorrerá em 15 de abril de 2021;
- Mini documentário sobre Wilson e sua produção artística, disponível no site do artista.
- Oficinas virtuais com alunos de escolas públicas, realizadas entre 19 a 23 de abril de 2021.

Sobre o proponente

“Sempre gostei de criar e ler. Fazia maquetes e me divertia. Quando juntava a gurizada do bairro e íamos para rios e chácaras, eu levava folhas e lápis para desenhar”, relembra Wilson, explicando que começou a desenhar desde os oito anos, de forma autônoma. 

A maioria dos seus desenhos são imagens de um sonho recorrente que tem de madrugada. Segundo ele, nessas experiências oníricas, ele vê “flashback de um monte de coisas”. Wilson reforça ainda que sua mente é agitada, então anota tudo e desenha depois. Alguns dos resultados desse processo criativo do artista poderão ser vistos nos produtos e nas ações do projeto Zooníricas de Benigno.

Sobre a produção do projeto

A Paratudo Artes - coletivo interdisciplinar - atua em produção, consultoria e assessoramento de profissionais criativos (artistas, artesãos, etc.), bem como ações formativas em Mato Grosso. No caso da Residência Artística, acolhem jovens artistas do interior do Estado para períodos de imersão em Cuiabá, com consultoria da Paratudo para o desenvolvimento de seu projeto criativo, artístico e poético.

Compõem o coletivo, que está na produção executiva do projeto Zooníricas de Benigno, a produtora cultural Suzana Guimarães, a jornalista Giordanna Santos, a curadora de arte Ludmila de Lima Brandão, o fotógrafo e editor de arte Fred Gustavos, a produtora cultural Quise Gonçalves. 

Outras informações:

O projeto “Zooníricas de Benigno” foi aprovado pelo edital MT Nascentes, com recursos da Lei Aldir Blanc, em Mato Grosso; sendo, portanto, apoiado pela SECEL-MT, Governo Federal, Ministério do Turismo, por meio da Secretaria de Cultura. (*com assessoria)

Conheça o artista

@wilson_benigno97

https://wilsonbenigno.46graus.com/ 

 

 


Voltar  

Agenda Cultural

Veja Mais

Últimas Notícias

Mais Notícias

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:


  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet