"SOMETHING"

Um Sinatra assim... beatlemaníaco



ray stubblebine

sinatra

Frank Sinatra (1915-1998) interpretou pérolas de George Gershwin e de Cole Porter, mas a sua canção de amor preferida era de George Harrison

Os anos 1960 eram dos Beatles. Até 1969, pelo menos, a incrível série de hits do icônico quarteto no topo das paradas haviam atingido o máximo de registro de vendas estabelecidos por artistas que vieram antes. 

Em 1970, Sinatra, que já havia dado tudo de si para a música e para a dramaturgia como ator, reconheceu a grandeza da banda pelas composições e fez um cover de uma das faixas de "Abbey Road" (1969). 

A música em questão, foi a que George Harrison e os Beatles lançaram como single, "Something". Mas Sinatra não apenas a cantou, como disse que era "uma das melhores músicas de amor já escrita". 

Ao pensar na carreira como cantor de Sinatra, é díficil não recordar dos clássicos do Great American Songbook que ele cantou ao longo dos anos. Seja cantando "Someone to Watch Over Me", do George Gershwin, "I Get a Kick Out of You", do Cole Porter ou "Lady Is a Tramp", do Rodgers & Hart. 

Sinatra foi capaz de transformar todas essas canções em algo muito maior. Por isso, é um grande elogio quando pensamos que ele tenha adorado a música de Harrison. 

Claro que Sinatra não foi o único a pensar assim. John Lennon também achou que essa era a melhor faixa de Abbey Road, e Paul McCartney acredita que esse tenha sido o melhor trabalho de Harrison como compositor. 

No entanto, quando a maioria dos compositores ficaria feliz com Sinatra gravando uma nova versão das músicas, George não se empolgou. "Na época, eu não estava particularmente emocionado com o fato de Frank Sinatra ter cantado "Something'", disse em Anthology, A aclamada compilação de raridades do Beatles.

Décadas depois, Harrison reconheceu que estava "mais emocionado agora" do que em 1970. Quando ele escreveu a música, ele tinha Ray Charles na mente. Mas o músico só gravou a música depois do lançamento de Abbey Road.

Curiosamente, o arranjo que Charles usou para a música não era exatamente o que Harrison tinha em mente. Em Anthology, ele conta quais foram as versões de "Something" que mais chamaram a sua atenção. "Fiquei interessado com Smokey Robinson e James Brown".

A partir da década de 1990, George passou a apreciar todos os covers. "Estou muito satisfeito com quem fez", disse.

"Acredito que seja um sinal. Quando uma música é boa, teremos muitas versões dela por aí." (*texto reproduzido de https://rollingstone.uol.com.br )

harrison

George Harrison (1943-2001), quando escreveu "Something", ansiava por uma gravação de Ray Charles


Voltar  

Agenda Cultural

Veja Mais

Últimas Notícias

Mais Notícias

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:

  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet