VERSO
Daniel Osiecki


 

v*

você atira tudo que encontra em mim. 
vaso,copo,cuspe,coisas,versos, 
rimas,métricas,regras,vulva, 
vassalos,caralhos,bonecos,cigarros, 
baseados,garrafas,garotos,um jogo inteiro de 
baralhos,uma lança,um lance,uma louca,um 
louco,um par de alianças que encontra,seu sapato 
de dança que alcança a janela do vizinho que grita
vendo o espetáculo do seu corpo aberto quando me 
fecho de volta pra dentro de ti.


*Poema sem nome, que compõe uma série de cinco, publicados originalmente no livro "fellis" (Penalux - 2018)

andré osiecki

osiecki

Daniel Mascarenhas Osiecki nasceu em Curitiba, em 1983. Escritor e editor, publicou os livros "Abismo" (2009), "Sob o signo da noite" (2016), "fellis" (2018), "Morre como em um vórtice de sombra" (2019), "Trilogia Amarga" (2019). "27 episódios diante do espelho" e "Fora de ordem" estão no prelo. É mestre em Teoria Literária e organizador do sarau-coletivo "Vespeiro - vozes literárias". Editor-chefe da Revista TXT Magazine.





 


Fonte: Tyrannus Melancholicus
Visite o website: http://tyrannusmelancholicus.com.br/