PROSA

Frases de "A Divina Comédia"*



O medo se deve somente  àquelas coisas que podem causar algum tipo de dano; As outras não, pois não fazem nenhum mal.

Quanto mais perfeito é algo, mais dor e prazer sentimos.

O demônio não é tão negro quanto se pinta.

Considere a sua origem. Não foste formado para viver como os brutos, mas para seguir a virtude e o conhecimento.

Não há maior dor do que recordar a felicidade nos tempos de miséria.

Falando coisas quando o silêncio seria ideal, assim como aqueles que falam ali.

No inferno os lugares mais quentes são reservados àqueles que escolheram a neutralidade em tempo de crise.

Muito pouco ama, quem com palavras pode expressar quanto muito ama.

Quem és tu que queres julgar,
com vista que só alcança um palmo,
coisas que estão a mil milhas?

A vontade, se não quer, não cede, é como a chama ardente, que se eleva com mais força quanto mais se tenta abafá-la.

A razão vos é dada para discernir o bem do mal.

Abre a mente ao que eu te revelo
e retém bem o que eu te digo, pois não é ciência
ouvir sem reter o que se escuta.

Louco é quem espera que a nossa razão possa percorrer a infinita via que tem uma substância em três pessoas.

O falar é um efeito natural;
mas, de um modo ou de outro, a natureza deixa o homem
escolher aquele que mais lhe agrada.

A contradição não consente o arrependimento e o pecado ao mesmo tempo.

Não deve o homem, pelo maior amigo, esquecer os favores recebidos do menor.

Não se pode exprimir com palavras a passagem do estado humano ao divino…

Puderam vencer em mim o ardor,
que me levou a conhecer o mundo,
e os vícios e as virtudes dos homens…

 

*Reproduzido de https://notaterapia.com.br/

dante

O italiano Dante Alighieri (1265-1321), nascido em Florença, é considerado um dos mais importantes escritores humanistas do renascimento literário. Apontado como o maior escritor de língua italiana, também é reconhecido como um das principais vozes da literatura universal. Foi escritor, poeta e político. Além de "A Divina Comédia", outras obras anotadas como maiores do autor são "Sobre a Língua vulgar", "Vida Nova", "As rimas", "O Convívio" e "Monarquia". Na imagem acima, recorte em retrato de Dante feito por Sandro Botticelli

 

 


Voltar  

Confira também nesta seção:
08.03.21 17h24 » Seleta de frases e pensamentos*
08.03.21 17h24 » Ave, Maria (José)*
01.03.21 16h27 » O preço do silêncio
01.03.21 16h27 » O estranho vírus de Eduardo Mahon
01.03.21 16h27 » Gatinha exibicionista
22.02.21 14h00 » A filosofia do Mendes*
22.02.21 14h00 » Seleção de frases*
15.02.21 16h47 » Um bilhete para Leonard Cohen*
15.02.21 16h47 » Ulisses*
12.02.21 23h45 » Silêncio na pista
08.02.21 16h00 » Seleção de frases*
08.02.21 16h00 » Por uma clave de sol!*
01.02.21 18h00 » Serotonina (trecho de romance)
01.02.21 18h00 » Tio Galileu*
25.01.21 18h46 » A máscara do meu rosto*
25.01.21 18h46 » Cair e levantar
20.01.21 18h07 » Dobra do tempo
18.01.21 16h57 » Morte em Pleno Verão e Lá é Sempre Verão*
18.01.21 16h57 » Frases de "A Divina Comédia"*
11.01.21 21h00 » Mas que Nojo é esse!

Agenda Cultural

Veja Mais

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:


  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet