CLÓVIS IRIGARAY

Eterno na memória, corações e retinas



recorte

clovito

 

para clóvis irigaray*

escrevo sobre tudo,
mas algo está sempre
em meus escritos: 
a emoção.

nestes tempos difíceis
essa verve emocional
tende sempre à tristeza;
e a tristeza de hoje... é clovito.

artista e amigo querido
de longos anos,
portador de criação inigualável.
eterno na memória, corações e retinas.

mestre das cores e do traço
que soube retratar o seu tempo
com seus mistérios e inspiração.
vai clovito, segue em paz!

o meu, o nosso, muito obrigado.
pela sua estética arrebatadora
e por saber dizer do indizível:
o legado bravio da sua arte

 

*poema em homenagem a Clóvis Irigaray (1949-2021)

recorte

clovito

 


Voltar  

Confira também nesta seção:

Agenda Cultural

Veja Mais

Últimas Notícias

Mais Notícias

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:


  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet