VERSO

Graça Pires

Jovem ruiva com vestido de noite*

 

Um incêndio atraiu
os meus cabelos em desalinho.
Emaranhou-os em estrelas luzentes,
porque vou ao teu encontro.

“O verão começa nos teus braços nus”,
me dirás, na margem mais proibida da noite.

Ai, o rubor do rosto a desvendar
a secreta inocência dos devaneios!
Ai, o lento bailado nas sombras
da madrugada!
Ai, o mel e o néctar na seda de meus seios!

“O verão começa nos teus braços nus”,
repetirás pela manhã.

 

*Reproduzido de http://www.algumapoesia.com.br/

graça pires

Graça Pires é uma poetisa portuguesa, licenciada em História pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Já lançou 21 livros e está presente em 14 antologias. Já ganhou diversas premiações, entre elas, o Prêmio Revelação de Poesia da Associação Portuguesa de Escritores, com o livro, "Poemas", de 1990. Tem mestrado em Língua, Literatura e Interculturalidade da Universidade de Goiás (wikipédia)


Voltar  

Confira também nesta seção:

Agenda Cultural

Veja Mais

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:

  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet