LIVES

No instagram, facebook e youtube do Museu



ana lourdes

Ana Lourdes Costa, na quinta-feira

O Museu de Arte Sacra de Mato Grosso prossegue com sua programação online nesta semana, em função da pandemia que impossibilita as ações presenciais. Três lives com profissionais experientes vão explorar o tema "Dia do Patrimônio Nacional", no dia 17 de agosto.

Os temas são escolhidos considerando sua pertinência social, educativa e, sobretudo, são orientados pelos princípios que norteiam a missão institucional do museu, como preservar, divulgar e transmitir a memória. Para definir os temas também são considerados aspectos como o respeito à diversidade, a divulgação dos patrimônios, ambiental, material, imaterial, além de refletir temas da atualidade que são importantes para o conjunto da sociedade; consideramos ainda o calendário comemorativo local e nacional.   

A data (17/08) foi escolhida para celebrar o Patrimônio Nacional homenageia o nascimento de Rodrigo Melo Franco de Andrade, primeiro presidente do Iphan, que estaria completando 122 anos. A data foi criada em 1998, centenário de nascimento de Andrade.

Para celebrar a data, o MAS Convidou profissionais gabaritados, que atuam em instituições, (IPHAN, SECEL/MT, IBRAM), que trabalham ardorosamente para proteger, preservar e divulgar os bens culturais do país.  

As lives acontecem a partir desta quinta, na sexta e no sábado. Começam sempre às 19h (MT) e são transmitidas, simultaneamente, pelo Instagram, Facebook (@museudeartesacramt) e Youtube do Museu de Arte Sacra-MT. 

Quinta-feira (20/08)

O tema da live desta quinta-feira é "Acervo e gênero em perspectiva: o vestido de.Maria Bonita no MHN", com Ana Lourdes Costa. A convidada apresentará as primeiras reflexões sobre o vestido de Maria Bonita, que é  seu objeto de pesquisa no mestrado Museologia e Patrimônio pelo P PPG-PMUS - UNIRIO / MAST, e sua trajetória como objeto musealizado no Museu Histórico Nacional/MHN-Ibram, lançando um olhar para as questões de gênero e museus que podem ser abordadas a partir desse objeto que durante duas décadas integrou uma das exposições do MHN.

robinson

Robinson de Carvalho Araújo, na sexta-feira

Ana Lourdes Costa é licenciada em História e pós-graduada em Arte, educação e tecnologias contemporâneas, atualmente é Mestranda em Museologia e Patrimônio pelo Programa de Pós-Graduação em Museologia e Patrimônio, do Centro de Ciências Humanas e Sociais da UNIRIO / MAST/MCTIC, sendo orientada pelo Professor Doutor Ivan Coelho de Sá. 

Coordena a área de Promoção e Gestão da Imagem Institucional (CPGII/DDFEM) do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), onde atua desde 2009, que é responsável por ações como a Semana Nacional de Museus e a Primavera dos Museus. Tem experiência na área museal desde 2003, quando passou a integrar a equipe do Museu Histórico Nacional/Ibram. Atuou nas áreas de pesquisa e educação museal, mas desde 2009 sua trajetória profissional dá ênfase ao marketing museal, desenvolvendo projetos de promoção, visibilidade e fortalecimento dos museus brasileiros. Foi a responsável por trazer para Brasília a da Rede de Educadores em Museus – REM, quando também trabalhou em projetos voltados para o patrimônio cultural do Distrito Federal/DF.

Sexta-feira (21/08)

Robinson de Carvalho Araújo é o convidado da live de sexta. Ele vai explorar o tema "Os aspectos econômicos e sociais nas obras de restauração de edificações históricas", colocando em pauta os impactos das obras de restauração em nossa região, apresentando a realidade diária de quem atua efetivamente na área, assim como os entraves e estratégias para valorização do patrimônio arquitetônico de Mato Grosso.

Robinson de Carvalho Araújo possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Mato Grosso (2000), especialização em Projetos de Arquitetura e Urbanismo em área de interesse cultural pela AVM/RJ(2016) e mestrado em climatologia Urbana pela Universidade Federal de Mato Grosso (2004). Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, com ênfase em Projeto de Arquitetura, Complementares (Elétrica, Hidraulica, Esgoto e Estrutural) e execução de Obras, além de vasta experiência em computação gráfica 2D e 3D. Também possui experiência na área do Patrimônio Cultural, sendo autor do Guia dos Bens Tombados de Cuiabá e de projetos restauro nos seguintes prédios: Palácio da Instrucção (Cuiabá), Grande Hotel (Cuiabá), Cine Teatro Cuiabá, Palácio dos Capitães Genereais (Vila Bela da Santíssima Trindade) dentre outros. Atualmente está lotado Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer ocupando o Cargo de Coordenador de Patrimônio Cultural (Analista de Desenvolvimento Econômico e Social - perfil arquiteto, aprovado em concurso público).

Sábado (22/08)

Com o tema "O IPHAN-MT e o patrimônio arquitetônico", a live tem como convidada Amélia Hirata. Ela vai discorrer sobre o tombamento, especialmente do centro histórico de Cuiabá, os bens acautelados no estado de MT e a importância da preservação.

Amélia Hirata é Graduada em arquitetura e urbanismo pela UFMT, graduada em Tecnologia em Controle de obras pelo IFMT. É pós-graduada em Engenharia de Segurança do Trabalho pela UFMT; pós-graduada em Artes Visuais pelo Senac/MT e Pós-graduada em Gestão Cultural pelo Senac/SP. Foi coordenadora do IPHAN-MT até pouco tempo, onde ainda atua como servidora desde 2011. (*com assessoria)

hirata

Amélia Hirata, no sábado

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Voltar  

Confira também nesta seção:

Agenda Cultural

Veja Mais

Últimas Notícias

Mais Notícias

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:

  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet